Audiência pública sobre exploração de minérios no Brasil

Audiência pública sobre exploração de minérios no Brasil

O auditório do IFRO em Porto Velho/RO recebeu a Audiência Pública Sobre a Exploração de Minérios em Terras Indígenas na manhã desta sexta-feira (04/10). Audiência pública sobre exploração de minérios no Brasil.

A audiência foi presidida pelo Deputado Federal Coronel Chrisóstomo e contou com a presença de diversas autoridades, inclusive com o Ministro de Minas e Energia, o Almirante Bento Albuquerque.

O evento contou com o debate sobre a exploração, comercialização e exploração de minérios em Rondônia, e também em terras indígenas.

Lamentavelmente, no início, um grupo de índios se revoltou injustificadamente, por estímulo de algumas pessoas não identificadas, e isso gerou tumulto, sendo necessário reforço da Polícia Militar na segurança dentro do auditório. A ação retomou a audiência, que discorreu dentro do previsto.

De qualquer forma, estivemos presentes e gostaríamos de parabenizar ao Coronel Chrisóstomo pelo empenho em promover mais este ato em prol da população Rondoniense.

Audiência pública sobre questão mineral em Rondônia

Audiência pública sobre exploração de minérios no Brasil

O auditório do Ifro em Porto Velho/RO recebeu a Audiência Pública Sobre a Exploração de Minérios em Terras Indígenas na manhã desta sexta-feira (04/10).A audiência foi presidida pelo Deputado Federal Coronel Chrisóstomo e contou com a presença de diversas autoridades, inclusive com o Ministro de Minas e Energia, o Almirante Bento Albuquerque.O evento contou com o debate sobre a exploração, comercialização e exploração de minérios em Rondônia, e também em terras indígenas.Lamentavelmente, no início, um grupo de índios se revoltou injustificadamente, por estímulo de algumas pessoas não identificadas, e isso gerou tumulto, sendo necessário reforço da Polícia Militar na segurança dentro do auditório. A ação retomou a audiência, que discorreu dentro do previsto.De qualquer forma, estivemos presentes e gostaríamos de parabenizar ao Coronel Chrisóstomo pelo empenho em promover mais este ato em prol da população Rondoniense.

Posted by SOS Amazônia on Friday, October 4, 2019

Nosso agradecimento ao Deputado Federal Coronel Chrisóstomo (PSL/RO)

Senhor Deputado Coronel Chrisóstomo, receba meu sincero agradecimento por sua especial atuação à questão minerária do Brasil e, portanto de Rondônia!

Ao senhor, Ministro de Minas e Energia, Almirante Bento Albuquerque, meu muito obrigado por dedicar seu tempo à nossa causa e ao nosso amado Estado de Rondônia.

À todas as autoridades que estiveram presentes, meu muito obrigado por seu tempo, dedicação e atenção! Sem vocês não chegaríamos aqui, com sucesso!

Aos garimpeiros e garimpeiras o meu agradecimento por sua perseverança. Sem vocês e sem o seu afinco em permanecerem trabalhando, mesmo com tudo e todos contra vocês, essa audiência pública não teria acontecido.

Pois bem! Hoje, 04 de outubro de 2019, pode ser considerado o Terceiro grande dia nas datas comemorativas de Rondônia, isso mesmo. Rondônia e seu povo pode afirmar que nas ultimas 3 décadas nós tivemos 3 grandes marcos.

Alguns podem achar que é coincidência, outros que é sorte. Porém, eu tenho certeza que é SINCRONICIDADE. É o Universo atuando em favor dos justos e trabalhadores, e aqui estão todos eles. Isso também pode ser chamado de Lei da Atração, Uma Lei Cósmica!

A primeira grande data das últimas 3 décadas foi quando pelas mãos de um militar o nosso então território foi emancipado a Estado de Rondônia.

O Coronal Jorge Teixeira de Oliveira foi indicado pelo Presidente General Figueiredo, como o primeiro governador do Novo Estado, tomando posse em 29 de dezembro de 1981.

Pouco tempo depois, ainda estávamos em festa, quando a BR-364, no trecho de Cuiabá a Porto Velho, foi asfaltada em 1983. Portanto, mais uma vez, aqui estavam os militares.

E hoje, completou o ciclo de Sincronicidade, em nosso Estado e aqui novamente, estamos contando com a atuação sempre pronta e eficiente dos militares.

  • E o Senhor, Deputado Coronel Chrisóstomo, foi quem colocou as mãos neste “vespeiro” e, com certeza, nenhuma vespa irá lhe picar.
  • As vespas sabem que seus bicos não podem contra quem tem pele de aço, nióbio, tântalo e ouro e elas não vão querer quebrar os seus bicos!

Bom, eu gostaria de deixar registrado, e grifado, na ata desta audiência que parte, ou grande parte, do minério, seja ele qual for, deve aqui ser beneficiado.

Isso mesmo, não devemos nos contentar com simples Royalties. Mas também queremos as riquezas que a indústria de ponta gera.

Esta audiência terminou e devemos estar prontos para iniciar as estratégias para trazer para Rondônia as maiores, melhores e mais bem estruturas indústrias de beneficiamento dos nossos minérios.

Isso sim, trará a riqueza que merecemos e nos incluirá entre os Estados Brasileiros mais ricos e prósperos da nação Brasileira e, não tenho dúvida, elevará o Brasil a uma das 3 maiores potencias econômicas do Planeta em menos de UMA Década.

Para finalizar, agradeço a todos e deixo aos meus irmãos garimpeiros o meu APLAUSO fraternal.

Alessandro Machado! Eu estive presente nesta Audiência pública sobre exploração de minérios no Brasil.

1 comentário

  1. Pingback: Mineração em terras indígenas está na Constituição - S.O.S. Amazônia Soberana

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.